Torta de Sardinha

Dias corridos pede comidinhas rápida. Aqui o domingo terminou em Torta de sardinha, Nunca mais tinha feito Torta de sardinha, sempre inventando outras receitas de torta de liquidificador, acabava esquecendo, mas de tanto as pessoas elogiarem a torta de atum daqui do blog, inclusive minha irmã que sempre faz com recheio de sardinha acabei fazendo a receita da Torta de atum versão com sardinha. A torta fica leve, com pouco massa. Fiz a receita proposital para ficar pequena, mas aqui a receita da massa na integra que rende a torta maior.  Desculpe-me havia prometido de postar desde domingo, mas estou com obras em casa, tudo dificulta. Antes tarde do que nunca.

Torta de sardinha

Massa:

02 ovos

01 xicara de (chá) de farinha de trigo

¾ xicara de (chá) de leite (150 ml)

03 colheres de queijo ralado (opcional)

01 colher de (sopa) de fermento em pó

1/3 de xícara de (chá) de óleo (80 ml)

Sal a gosto

 

Para o recheio

02 colheres de (sopa) de azeite

½ cebola picadinha

01 tomate picadinho

01 lata de sardinha escorrida e picada

Azeitona picada a gosto

Milho verde a gosto

Orégano a gosto

Modo de fazer a massa:

Bata todos os ingredientes no liquidificador até formar uma massa homogênea.

Modo de preparar o recheio:

Em uma frigideira, aqueça o azeite e refogue a cebola até murchar.

Retire do fogo e junte a sardinha escorrida, o tomate, a azeitona, o milho verde e o orégano.

Em um refratário, untada com margarina e polvilhada de farinha, coloque uma camada de massa outra de recheio e em seguida o restante da massa. Coloque no forno para assar por mais ou menos meia hora em forno preaquecido a 180° graus ou ate dourar.

Rendimento: 03 a 04 pessoas

Torta de Sardinha

Compartilhe!

Você pode gostar

2 Comentários

  • cleiber
    25 de novembro de 2015 22:12

    Parabens,todas as receitas apresentadas por voce,sao especiais e confiaveis,sempre faco a massa de pizza com creme de leite,obtendo sabor e leveza com praticidade,obrigado!

  • Teretete na Cozinha
    28 de agosto de 2016 20:05

    Obrigada Cleiber.

Deixe um comentário